sexta-feira, 14 de maio de 2010

Ética na Profissão II




Como trabalhar com ética no nosso dia a dia? Dá para sobreviver no meio de leões?
O assunto ética na profissão tem muitas ramificações e creio que temos muito a discutir berm como a legalização de fato de nossas condições de trabalho.
Este email recebido relata o dia a dia de um colega nosso, que creio muitos de nós presenciamos no nosso dia a dia.
O que posso dizer ao colega que apesar de sofrermos muitas tentações para que sujeitemos a jogar sujo, devemos continuar a jogar limpo e com ética, pois a sensação de vitória é mais gostosa e dignificante.
Quando você vence uma batalha do sujo contra o limpo, mal contra o bem, o sabor de vitória é mais acentuado, saboroso.
Discordo quando pensam em jogar o jogo deles.
Veja esse artigo do codigo de ética dos corretores de imóveis:
No Art 6º, paragrafo  VII - desviar, por qualquer modo, cliente de outro Corretor de Imóveis;  
Isso mostra que temos armas a nosso favor. Devemos teimar em usa-las se não elas enferrujam.
Devemos sim sempre que possivel acionar o Creci, jornal, imprensa e todos os meios para informar o que acontece no nosso dia a dia.
Se eles não tiverem legalizados, devem sim serem denunciados. Se forem, devem cumprir os deveres de pertencer a uma categoria de classe com seus códigos.
Pense nisso e sucesso.













 Prezado editor desse blog, sou corretor na cidade de São Paulo e tenho visto acontecer coisas que acho que até Deus duvida.
Trabalho em um plantão de uma construtora forte em São Paulo, bairro do Itaim,  que tem uma empresa de vendas parceira que esta crescendo muito a nivel de Brasil, vou trata-la de BB.
Acontece que esta empresa tem um modus operandi um tanto diferente de tudo que tinha visto em corretagem.
Eles treinan os corretores para agir de forma totalmente anti-ético, sem escrúpulos, trapaceiros e tudo que possa para atrasar as vendas nossas fazem.
O plantão com eles é muito tumultuado, brigam entre eles mesmo e deixam um clima muito pesado no plantão.
Não respeitam clientes, se tiverem que discutir, não importa se tem clientes no ambiente, ligam celular tocando musica, televisão em som alto. Tudo de ruim que pode existir em um plantão eles implamtam.
Penso em denunciar eles para o Creci, pois se você deixar o cliente sozinho até o carro, eles abordam e oferecem desconto ou condições melhores para o cliente. Tem um caso em uma outra cidade, que o corretor aprontou em mais de 10 vendas e depois foi promovido a gerente nessa empresa, contrariando até os amigos de empresa. Esse parece ser o perfil dessa empresa.
Duro que a construtora tem muitos lançamentos a fazer, não gostaria de sair nessa hora mais isso é desistimulante.
Dê uma idéia de como podemos agir para coibir estes atos desses nossos amigos inescrupulosos.
Muito bom o seu site. Peguei muitas informações neles.
Parabens.
Fernando de São Paulo-SP




Artigos relacionados: Ètica na Profissão


2 comentários:

  1. Duro que muitas vezes o Creci nao funciona. A fiscalização é deficiente.
    As empresas querem vendas e atiçam os corretores que querem vender a qualquer preço.
    Essa tal ética é somente um nome e desconhecido por sinal.
    Vivo isso ai o tempo todo tambem

    ResponderExcluir
  2. Muito interessante. Estou criando um blog apenas para os melhores corretores de imóveis em belo horizonte, acesse http://www.bhcorretoresdeimoveis.com.br/ e confira!

    ResponderExcluir